quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Teste de gravidez da avó

Atenção! Este teste de gravidez caseiro não substitui os testes de gravidez da farmácia nem os testes de gravidez que se fazem no consultório médico ou no laboratório. A sua fiabilidade, claro, não é de 100%; mesmo assim, exponho-o como uma curiosidade.


Há alguns anos atrás, quando ainda não existiam os testes de gravidez que há hoje em dia, as nossas avós e bisavós costumavam fazer um curioso teste de gravidez caseiro para ficarem a saber se estavam à espera de bebé. O truque consistia em depositar a primeira urina da manhã num copo de vidro (transparente, seco e limpo). Em seguida, colocavam o copo de urina no congelador durante 5 minutos. Quando o tiravam podiam ler o resultado: se se tivesse formado uma fina película em cima, o resultado era interpretado como sendo Positivo. Se se tivesse formado um depósito em baixo, o resultado era interpretado como Negativo.
É só mais uma daquelas curiosidades das nossas avós; mas se suspeita que pode estar grávida, porque não experimenta? Também seria interessante confrontar depois o resultado deste teste caseiro com o resultado de um teste de farmácia, por exemplo.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Remédio caseiro para aquecer os pés frios

Tem os pés sempre frios, quer faça frio, quer faça calor? Pois fique a saber que não é a única! Eu também tenho sempre os pés frios. Brrrr...! Especialmente no inverno.
Ter os pés frios significa que o calor do seu corpo não chega até aos seus membros inferiores (os seus lindos pés). Isto não significa nada de mais; apenas é um grande incómodo. Afinal, sentimo-nos muito mais felizes quando temos os pés quentinhos.

Quando uma pessoa costuma ter os pés frios, o conselho tradicional é que faça um banho quente de pés. Mas se a esse banho juntarmos as propriedades calorificas do gengibre, o resultado será ainda melhor.

Banho quente de pés com gengibre



Ingredientes

4 litros de água quente
50 gramas de gengibre ralado

Preparação

Numa bacia que acomode bem os seus pés, deite a água e acrescente o gengibre. Mexa a mistura.

Utilização

Enfie os pés na água e deixe-se ficar durante cerca de dez minutos. Retire então os pés e seque-os bem com uma toalha. Calce umas peúgas de lã ou de algodão para manter o calor.
Se descansar durante algum tempo com os pés ligeiramente mais elevados que o resto do corpo, também melhorará a circulação do sangue e, claro, isso também contribuirá para que os seus pés se mantenham mais quentes e confortáveis.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Herpes labial

O herpes labial surge nos lábios e ao redor deles. É causado pelo vírus Herpes Simplex e pode ter várias causas: constipação, gripe, situações emocionalmente instáveis, menstruação, exposição ao sol, etc.

O herpes labial manifesta-se através de vesículas dolorosas, com líquido transparente e pode surgir numa única lesão ou em grupos de lesões. Antes de aparecer é comum sentir comichão ou ardor. Geralmente, todos os casos de herpes labial desaparecem após sete a dez dias. Alguns remédios caseiros podem no entanto ser utilizados para diminuir os sintomas e acelerar a cura.

Remédio 1

Chá de urtigas



Ingredientes:

1 punhado de folhas de urtigas
1 litro de água

Preparação:

Leve a água ao lume e quando começar a ferver acrescente a planta. Deixe fervilhar durante 10 minutos e retire do lume. Coe e deixe arrefecer.

Utilização:

Beba 1 chávena do chá obtido por dia. Também pode empapar uma gaze no líquido morno e aplicá-la diretamente sobre o herpes, para acelerar a cura.

Remédio 2

Cubo de gelo



Utilização:

Aplique diretamente um cubo de gelo sobre o herpes, por um instante. O gelo alivia a dor e é anti-inflamatório.

E não se esqueça:

Lave as mãos com frequência; evite tocar nas feridas e beijar adultos e crianças quando as lesões estão ativas; evite a exposição ao sol.